Viajar com crianças dentro do espectro autista é possível?

em 16/07/2019


Viajar com crianças não é fácil, requer planejamento e organização. E quando se tem na família alguém com alguma deficiência, ou com transtorno do espectro autista (TEA), isso pode ser um pouquinho mais complicado, não é mesmo?

viajar espectro autista



Infelizmente, no Brasil as pessoas estão muito despreparadas quando falamos em autismo, ainda rola muito preconceito, e desinformação. Pelo mundo afora, as coisas estão um pouquinho melhores, mas ainda há muito o que se aprender, o que se discutir, o que se informar, muitos rótulos e barreiras a serem quebrados.

O bom é que ultimamente, as pessoas estão mais preocupadas e abertas ao diálogo, e hoje, podemos encontrar pessoas, e lugares mais preparados para  receber pessoas do espectro.

SeaWorld


O grupo SeaWorld Parks & Entertainment promoveu hoje (16/07/19) um encontro aqui em São Paulo, para discutir com especialistas e profissionais do turismo, como é receber pessoas dentro do espectro.

A companhia conta com a primeira família de parques de Orlando, na Flórida, a obter a certificação como Centro de Autismo concedida pelo Conselho Internacional de Padrões de Credenciamento e Educação Continuada (IBCCES, sigla em inglês). O Aquatica Orlando foi o primeiro parque aquático do mundo a receber a certificação, seguido pelo Discovery Cove e SeaWorld Orlando.

O Busch Gardens, ainda não foi certificado, mas será o próximo parque da companhia a receber a certificação.

treinamento TEA
Marjori Schroeder- SeaWorld/Imaginadora 

E qual o diferencial?


Em todos os parques certificados da companhia, os visitantes encontram funcionários treinados e capacitados para receberem pessoas do espectro TEA e seus familiares. Dentro dos complexos, as atrações tem  "GUIA SENSORIAL". O guia sensorial diz qual o nível de cada atração, e quais as alterações sensoriais, visuais, auditivas, vestibulares, que ela proporciona.

Outro diferencial são as QUIET ROOMS, salas especialmente preparadas para receber os visitantes que necessitam de um local mais calmo, com menos estímulos, para aqueles que necessitam se reorganizar. 

No evento de hoje, o SeaWorld reuniu pessoas importantes e relevantes para tratar do assunto. Estiveram presentes a Dra. Maria Claudia Brito ( fonoaudióloga especialista em atendimento de pessoas do espectro), a jornalista Andrea Werner, autora do blog Lagarta Vira  Pupa e de 2 livros sobre o assunto, e a Amanda Ribeiro, mãe do Arthur, e diretora executiva na Incluir Treinamentos

Agência de Viagens Especializada?


Desde que tivemos contato com o autismo, a primeira preocupação da Sonho e Magia Viagens foi como poderíamos ajudar essas pessoas a viajarem melhor e com mais qualidade. A empresa nos forneceu um treinamento extensivo, e somos a primeira agência certificada no Brasil, capacitada para receber famílias e passageiros do espectro TEA.

Hoje, dentro da agência, nós estamos treinadas e capacitadas para entender e elaborar uma viagem personalizada, que atenda as necessidades daquela família específica, sugerindo e identificando locais "autism friendly".

Se você precisar de uma assessoria de viagem especializada, pode contar comigo! Envie um email para tatiana@smviagens, que eu estarei disposta a te ajudar. 

autismo


Nenhum comentário , comente também!

Postar um comentário

Postagens mais visitadas